Reprodução autorizada desde que mencionada à autora e o site www.psicologiaemanalise.com.br/

1 de dezembro de 2011

Mente: O poder habita em você


O celebro é a maquina mais potente que reside no individuo, suas conexões são capazes de transformar, ativar, minar e criar todas as formas e sentimentos. Seu alto grau de energia quando mal utilizada pode provocar conflitos e sofrimento, levando a transtornos psicoemocionais.
O pensamento quando dirigido de modo negativo sobrecarrega o organismo e acarreta doenças físicas que são somatizadas pelo corpo. Aprender a utilizar essa ferramenta chamada mente através do psiquismo, contribui bastante para a saúde física, mental e psicológica.
Certo é que os pensamentos geram sentimentos, emoções sentidas como únicas e verdadeiras, mas essa certeza não é absoluta, ela é mutável, pode ser transformada, como uma raiva pode se transformar em afeto, como o ódio em amor, como desespero em esperança.
Aprender a transformar os desconfortos sentidos na busca do melhor, ajuda o sujeito a minimizar a dor do vazio, das frustrações, desilusões, desesperança. Quando existem sentimentos de baixa estima é importante observar de onde eles estão surgindo. Ciente que o alimento psíquico pode ser voltado tanto para o lado positivo, quanto negativo.
Não é nada fácil mudar, mas muitas das mudanças ocorrem quando o sujeito se solidariza consigo mesmo, quando ele começa a introjetar o sentimento de amor, auto-respeito e descobre que como todos os seres, ele merece ser feliz, merece o bom e procura fazer o bem partindo do principio de fazer o bem também a si.
Muitos acreditam que o maior amor é aquele que é depositado nos outros, mas o maior amor é aquele depositado em si, afinal ninguém consegue dar o que não tem, até consegue, contudo por pouco tempo, a bondade não adquirida tem prazo de validade, já o carinho intrínseco, esse é constante, não acaba.
Voltando a mente, essa poderosa maquina de força, deve ser transformada, ajustada e estabilizada, ninguém nasce pronto, a vida, as circunstancias, as histórias tão peculiar de cada sujeito absorve energias que afetam comportamentos, criam sentimentos e geram emoções das mais variadas.
Começar a exercer os sentimentos de bondade, perdão, favorece uma melhor relação com o outro. Ninguém é infalível, as falhas são necessárias para que ocorram mudanças, o erro é um sinal que algo precisa ser transformado. Todo sentimento ruim trás lições que quando encarados com honestidade, amor e vontade de querer acertar provoca significativas mudanças para o bem.
Quando o sujeito começa a se avaliar, ele consegue perceber que pensamentos e sentimentos não são a mesma coisa, os pensamentos negativos são construídos em virtudes das imagens traumáticas, dos medos, das fantasias, do desconhecido, das "necessidades" de autodefesa. Já os sentimentos são reforçados pelo mente que em algum momento julga, condena e oprime o individuo acarretando culpa.
Não julgue seus pensamentos, mas trabalhe para mudá-los caso esteja causando algum tipo de dor, sofrimento ou angustia. O pensamento positivo trás bons fluídos e acalma. A mente é uma maquina que necessita de um bom operador para guia - lá, conduzi-lá a um melhor funcionamento, propiciando assim a conquista de equilíbrio. 
  

Jacqueline Meireles
Psicóloga/Consultora


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, participe dessa construção!